slide1 n.
Download
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Microinform tica PowerPoint Presentation
Download Presentation
Microinform tica

play fullscreen
1 / 32

Microinform tica

230 Views Download Presentation
Download Presentation

Microinform tica

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

    1. Microinformática Prof. Sérgio Spolador

    2. SOFTWARES Quanto a Forma de Distribuição: Livre Proprietário Shareware Freeware Firmware Quanto ao Tipo: Básico Aplicativo Utilitário

    3. O COMPUTADOR Componentes Básicos:

    4. Prof. Sérgio Spolador 4 Código Binário Cada pulso elétrico é chamado de bit (0 ou 1); O conjunto de 8 bits é um byte; Unidade de medida digital;

    5. Prof. Sérgio Spolador 5 Código Binário 1 Byte = 8 bits 1 KiloByte = 1024 Bytes 1 Megabyte = 1024 x 1024 Bytes 1 GigaByte = 1024 x 1024 x 1024 Bytes 1 TeraByte = 1024 x 1024 x 1024 x 1024 Bytes

    6. Prof. Sérgio Spolador 6 Circuito Principal Chipset Barramentos On board x Off board

    7. Prof. Sérgio Spolador 7 Linhas de Comunicação CPU Memória Principal Dispositivos de I/O Memória Auxiliar Barramento Local Barramento X Barramentos de Expansão

    8. Barramentos de Expansão ISA (Industry Standard Architecture) VESA (Video Electronics Standards Association) PCI (Peripheral Component Interconnect) AGP (Accelerated Graphics Port) PCI Express USB (Universal Serial Bus) Firewire (IEEE 1394 ou High Performance Serial Bus/HPSB)

    9. Portas de Comunicação Serial Paralela USB Firewire

    10. Prof. Sérgio Spolador 10 Memória RAM Medida em Bytes, Kbytes, Mbytes, GBytes. Volátil Auxilia no PROCESSAMENTO Tipos de RAM DRAM (Ram Dinâmica)? SDRAM DDR

    11. Prof. Sérgio Spolador 11 Memória ROM Dados já gravados de fábrica. Não Volátil Tipos de ROM ROM PROM EPROM – (Ultravioleta)? EEPROM – (Elétrico)? FEPROM (Flash)?

    12. Prof. Sérgio Spolador 12 Unidade de Controle Unidade Lógica e Aritmética Registradores Memória Cache

    13. Prof. Sérgio Spolador 13 Memória RAM – Single Channel

    14. Prof. Sérgio Spolador 14 Memória RAM – Dual Channel

    15. Prof. Sérgio Spolador 15 Memória RAM estática (alta velocidade)? Tamanho medido em MB

    16. Prof. Sérgio Spolador 16

    17. Prof. Sérgio Spolador 17 Memória Auxiliar Não Volátil Capacidade medida em MB e GB Tipos de Conexão IDE SATA PATA Memória Virtual

    18. Prof. Sérgio Spolador 18 Intel Core 2 Duo E4500 2.2GHz 2MB L2 2GB DDR2 667MHz. Suporte para Canal Duplo (Dual Channel) 500GB 7200rpm SATA 3 DVD/RW com tecnologia LightScribe com suporte a DVD+/-R/RW RAM Rede 10/100/1000 Placa de Vídeo Integrada Intel® Graphics Media Accelerator 3100 com memória compartilhada para gráficos de 128MB. Até 287MB totais disponíveis de memória de gráficos conforme alocado pelo Windows 56kbps 19" LCD, 1440x900 (60Hz) Teclado multimídia HP Mouse óptico HP Windows XP Professional 6 portas USB 2.0, 1 entrada microfone, 1 entrada de fone de ouvido, 2 entradas PS/2, 1 SLOTS DE EXPANSÃO -4 slots de esxpansão de memória DIMM (240-pin) (1 ocupado). -2 baias para drives ópticos (1 ocupada). -2 baias para unidade de disco rígido (1 ocupada). SLOTS PCI -1 slots PCI (ocupado). -2 slots PCI-Express 1x (1 livre). -1 slot PCI-Express 16x (livre).

    19. Prof. Sérgio Spolador 19 Com relação aos componentes de hardware de microcomputadores, a (A) instalação de gravadores de DVD nos computadores atuais só foi possível, graças a tecnologia SCSI que conecta esse dispositivo. (B) RAM, ao contrário da memória ROM, é uma área de armazenamento definitivo e seu conteúdo somente é alterado ou apagado através de comandos específicos. (C) interface AGP, um dispositivo do tipo E/S, é utilizada, principalmente, para conexão de Impressoras. (D) interface AGP é o dispositivo responsável pela comunicação entre o processador e memória cache. (E) RAM é uma memória de armazenamento temporário, cujos dados são utilizados pela CPU, na execução das tarefas.

    20. Prof. Sérgio Spolador 20 Com relação aos componentes de hardware de microcomputadores, a (A) instalação de gravadores de DVD nos computadores atuais só foi possível, graças a tecnologia SCSI que conecta esse dispositivo. (B) RAM, ao contrário da memória ROM, é uma área de armazenamento definitivo e seu conteúdo somente é alterado ou apagado através de comandos específicos. (C) interface AGP, um dispositivo do tipo E/S, é utilizada, principalmente, para conexão de Impressoras. (D) interface AGP é o dispositivo responsável pela comunicação entre o processador e memória cache. (E) RAM é uma memória de armazenamento temporário, cujos dados são utilizados pela CPU, na execução das tarefas.

    21. Prof. Sérgio Spolador 21 2. Diversos modelos de barramento tais como ISA e PCI, por exemplo, são disponibilizados na placa mãe dos microcomputadores por meio de conectores chamados de (A) clocks. (B) boots. (C) bios. (D) cmos. (E) slots.

    22. Prof. Sérgio Spolador 22 2. Diversos modelos de barramento tais como ISA e PCI, por exemplo, são disponibilizados na placa mãe dos microcomputadores por meio de conectores chamados de (A) clocks. (B) boots. (C) bios. (D) cmos. (E) slots.

    23. Prof. Sérgio Spolador 23 3. O elemento de um microcomputador que não pode ter dados gravados pelo usuário, mas cuja gravação das informações referentes às rotinas de inicialização é feita pelo fabricante do microcomputador é (A) o cache de disco rígido. (B) a memória ROM. (C) a memória virtual. (D) o Universal Serial Bus. (E) a memória RAM

    24. Prof. Sérgio Spolador 24 3. O elemento de um microcomputador que não pode ter dados gravados pelo usuário, mas cuja gravação das informações referentes às rotinas de inicialização é feita pelo fabricante do microcomputador é (A) o cache de disco rígido. (B) a memória ROM. (C) a memória virtual. (D) o Universal Serial Bus. (E) a memória RAM

    25. Prof. Sérgio Spolador 25 4. Com relação ao hardware da plataforma IBM-PC, a (A) interface PCI é um dispositivo do tipo E/S, concebido especificamente para otimizar a conexão gráfica das placas de vídeo com o monitor. (B) RAM, ao contrário da memória ROM, é uma memória de armazenamento definitivo e seu conteúdo somente é alterado ou apagado através de comandos específicos. (C) RAM é uma memória de armazenamento temporário, enquanto a memória ROM é um tipo de memória que não perde informações, mesmo quando a energia é desligada. (D) Unidade de Aritmética e Lógica passou a ocupar o mesmo chipset da cache L1, com o objetivo de aumentar a velocidade de processamento nos microcomputadores atuais. (E) ordem de busca realizada pela CPU para alocar os dados para processamento inicia-se na memória principal, em seguida na Cache L1 e por último na Cache L2.

    26. Prof. Sérgio Spolador 26 4. Com relação ao hardware da plataforma IBM-PC, a (A) interface PCI é um dispositivo do tipo E/S, concebido especificamente para otimizar a conexão gráfica das placas de vídeo com o monitor. (B) RAM, ao contrário da memória ROM, é uma memória de armazenamento definitivo e seu conteúdo somente é alterado ou apagado através de comandos específicos. (C) RAM é uma memória de armazenamento temporário, enquanto a memória ROM é um tipo de memória que não perde informações, mesmo quando a energia é desligada. (D) Unidade de Aritmética e Lógica passou a ocupar o mesmo chipset da cache L1, com o objetivo de aumentar a velocidade de processamento nos microcomputadores atuais. (E) ordem de busca realizada pela CPU para alocar os dados para processamento inicia-se na memória principal, em seguida na Cache L1 e por último na Cache L2.

    27. Prof. Sérgio Spolador 27 5. O termo barramento refere-se às interfaces que transportam sinais entre o processador e qualquer dispositivo periférico. Sobre barramento é correto afirmar: (A) ISA e VESA são barramentos internos destinados, exclusivamente, para estabelecer a comunicação entre os diversos tipos de memória e a CPU. (B) IDE e SCSI são barramentos utilizados na comunicação entre a CPU e os adaptadores de vídeo. (C) DDR e FIREWIRE são barramentos ultrapassados, não mais integrando a arquitetura dos computadores atuais. (D) DIMM e DDR são barramentos do tipo Plug and Play e conectam qualquer tipo de dispositivo E/S. (E) USB é um tipo de barramento que estendeu o conceito Plug and Play para os periféricos externos ao computador.

    28. Prof. Sérgio Spolador 28 5. O termo barramento refere-se às interfaces que transportam sinais entre o processador e qualquer dispositivo periférico. Sobre barramento é correto afirmar: (A) ISA e VESA são barramentos internos destinados, exclusivamente, para estabelecer a comunicação entre os diversos tipos de memória e a CPU. (B) IDE e SCSI são barramentos utilizados na comunicação entre a CPU e os adaptadores de vídeo. (C) DDR e FIREWIRE são barramentos ultrapassados, não mais integrando a arquitetura dos computadores atuais. (D) DIMM e DDR são barramentos do tipo Plug and Play e conectam qualquer tipo de dispositivo E/S. (E) USB é um tipo de barramento que estendeu o conceito Plug and Play para os periféricos externos ao computador.

    29. Prof. Sérgio Spolador 29 6. A unidade mais simples de armazenamento de informação em um computador é (A) o byte. (B) o bit. (C) o binário. (D) a ROM. (E) a RAM.

    30. Prof. Sérgio Spolador 30 6. A unidade mais simples de armazenamento de informação em um computador é (A) o byte. (B) o bit. (C) o binário. (D) a ROM. (E) a RAM.

    31. Prof. Sérgio Spolador 31 7. O equipamento que permite efetuar comunicação de dados por intermédio de uma linha telefônica é (A) a Placa Mãe. (B) a CPU. (C) a ROM. (D) o Modem. (E) a Winchester.

    32. Prof. Sérgio Spolador 32 7. O equipamento que permite efetuar comunicação de dados por intermédio de uma linha telefônica é (A) a Placa Mãe. (B) a CPU. (C) a ROM. (D) o Modem. (E) a Winchester.

    33. Prof. Sérgio Spolador 33 8. O periférico que apenas permite a saída de informações (unidade exclusivamente de saída) é (A) o scanner. (B) o disquete. (C) a plotter. (D) o teclado. (E) o mouse.

    34. Prof. Sérgio Spolador 34 8. O periférico que apenas permite a saída de informações (unidade exclusivamente de saída) é (A) o scanner. (B) o disquete. (C) a plotter. (D) o teclado. (E) o mouse.

    35. Prof. Sérgio Spolador 35 9. O termo barramento refere-se aos contatos físicos que transportam sinais entre o processador e qualquer dispositivo periférico. Atualmente, existe um padrão de barramento de dados que permite a conexão de vários periféricos externos ao computador, através de uma única interface e um único protocolo, eliminando a necessidade de instalação e configuração de placas extras. Trata-se do barramento (A) PCI. (B)USB. (C) SCSI. (D) DDR. (E) ISA.

    36. Prof. Sérgio Spolador 36 9. O termo barramento refere-se aos contatos físicos que transportam sinais entre o processador e qualquer dispositivo periférico. Atualmente, existe um padrão de barramento de dados que permite a conexão de vários periféricos externos ao computador, através de uma única interface e um único protocolo, eliminando a necessidade de instalação e configuração de placas extras. Trata-se do barramento (A) PCI. (B)USB. (C) SCSI. (D) DDR. (E) ISA.

    37. Prof. Sérgio Spolador 37 10. Dispositivo de acesso seqüencial é (A) o disquete. (B) o zip drive. (C) a fita Magnética. (D) o CD-ROM. (E) o DVD-ROM.

    38. Prof. Sérgio Spolador 38 10. Dispositivo de acesso seqüencial é (A) o disquete. (B) o zip drive. (C) a fita Magnética. (D) o CD-ROM. (E) o DVD-ROM.

    39. Prof. Sérgio Spolador 39 11. É um sistema que, em um microcomputador, executa as funções necessárias para a inicialização do hardware do sistema quando o equipamento é ligado, controla rotinas de entrada e saída e permite ao usuário a modificação de detalhes da configuração do hardware. (A) SLOT. (B) BIOS. (C) BACKBONE. (D) EPROM. (E) DRAM

    40. Prof. Sérgio Spolador 40 11. É um sistema que, em um microcomputador, executa as funções necessárias para a inicialização do hardware do sistema quando o equipamento é ligado, controla rotinas de entrada e saída e permite ao usuário a modificação de detalhes da configuração do hardware. (A) SLOT. (B) BIOS. (C) BACKBONE. (D) EPROM. (E) DRAM

    41. Prof. Sérgio Spolador 41 12. Que hardware é considerado um meio exclusivamente de saída? a) Scanner b) Mouse c) Impressora d) Disquete e) Web Cam

    42. Prof. Sérgio Spolador 42 12. Que hardware é considerado um meio exclusivamente de saída? a) Scanner b) Mouse c) Impressora d) Disquete e) Web Cam

    43. Prof. Sérgio Spolador 43 13. São periféricos tanto de entrada e quanto de saída em um computador: A) Teclado, Mouse e Scanner B) Modem, drive de disquete e Disco Rígido. C) Impressora, Caixa de Som e Monitor. D) Cd-rom, Microfone e Scanner. E) DVD-Rom, Data Show e Webcam.

    44. Prof. Sérgio Spolador 44 13. São periféricos tanto de entrada e quanto de saída em um computador: A) Teclado, Mouse e Scanner B) Modem, drive de disquete e Disco Rígido. C) Impressora, Caixa de Som e Monitor. D) Cd-rom, Microfone e Scanner. E) DVD-Rom, Data Show e Webcam.

    45. Prof. Sérgio Spolador 45 Qual a função do HD (Hard Disk)? HD serve para acessar a Internet. HD serve para armazenar dados. HD serve para que a imagem do computador apareça no monitor. HD serve para ler arquivos de CD’s.

    46. Prof. Sérgio Spolador 46 Qual a função do HD (Hard Disk)? HD serve para acessar a Internet. HD serve para armazenar dados. HD serve para que a imagem do computador apareça no monitor. HD serve para ler arquivos de CD’s.

    47. Prof. Sérgio Spolador 47 São três componentes essenciais ao funcionamento de um microcomputador: memória RAM, placa-mãe e scanner. memória RAM, mouse e processador. memória RAM, placa-mãe e processador. mouse, processador e scanner. mouse, placa-mãe e scanner

    48. Prof. Sérgio Spolador 48 São três componentes essenciais ao funcionamento de um microcomputador: memória RAM, placa-mãe e scanner. memória RAM, mouse e processador. memória RAM, placa-mãe e processador. mouse, processador e scanner. mouse, placa-mãe e scanner