Download
slide1 n.
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
SISTEMA ESQUELÉTICO PowerPoint Presentation
Download Presentation
SISTEMA ESQUELÉTICO

SISTEMA ESQUELÉTICO

1178 Views Download Presentation
Download Presentation

SISTEMA ESQUELÉTICO

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. SISTEMA ESQUELÉTICO

  2. SISTEMAESQUELÉTICO- INTRODUÇÃO Objetivos:- Identificar as estruturas que compõem o sistema esquelético- Descrever as funções do sistema esquelético

  3. SISTEMAESQUELÉTICO- INTRODUÇÃO Literatura desta aulaOsteologia geralLivro do Getty volume 1.páginas 19 -32 cap.2.

  4. Aparelho Locomotor: Sentido restrito Sistema esqueletico Sistema articular Sistema muscular Aparelho Locomotor: Sentido Amplo Sistema esqueletico Sistema articular Sistema muscular Sistema nervoso Sistema cardiovascular SISTEMAESQUELÉTICO- INTRODUÇÃO

  5. SISTEMAESQUELÉTICO- INTRODUÇÃO O sistema esquelético é o conjunto de órgãos que constitui o esqueleto, ou seja, o arcabouço, a armação do corpo. O estudo dos ossos é denominado de osteologia.

  6. SISTEMAESQUELÉTICO- INTRODUÇÃO • Esqueleto - Sub. Lat. Sceletus, sceleti, Gr. Skeletón, skeletou, esqueleto, cadáver, múmia. • Skeletós, seco, dessecado.

  7. SISTEMAESQUELÉTICO- INTRODUÇÃO.Esqueleto O esqueleto é o arcabouço constituído por órgãos duros e resistentes metodicamente reunidos entre si que suporta e protege o corpo.

  8. Esqueleto (classificação zoologica) HIDROSTÁTICO O esqueleto hidrostático, encontrado em anelídeos e anêmonas, onde um fluído preenche uma cavidade (celoma) e atua como um esqueleto.

  9. Esqueleto (classificação zoologica) • Dérmico ou exoesqueleto São placas ou escamas ósseas desenvolvidas na pele (esp. na derme) e nunca de cartilagem pré-formada.

  10. Esqueleto (classificação zoologica) • Endoesqueleto

  11. Esqueleto (classificação zoologica) Exo e endoesqueleto

  12. Divisão do endo esqueleto • Esqueleto axial • Esqueleto apendicular • Esqueleto visceral

  13. Esqueleto axial crânio, coluna vertebral, ossos do tórax (costelas e esterno)

  14. Esqueleto apendicular Ossos dos membros torácicos (incluindo cintura escapular) e pélvicos (incluindo a cintura pélvica)

  15. Esqueleto visceral - osso peniano de carnívoros, - ossos cardíacos no bovino, - cadeiaossicular da orelha média, - osso hióide, - osso do grunho no suíno.

  16. SISTEMAESQUELÉTICO- OSSOS: DEFINIÇÃO Os ossos são definidos como peças duras e calcificadas que possuem origem, estrutura e função semelhantes. Os ossos são os órgãos passivos do movimento e mantém estreita relação funcional com a parte ativa, representada pelo sistema muscular.

  17. CLASSIFICAÇÃO DOS OSSOS fatores: genéticos, mecânicos, e metabólicos. forma Ossos longos Ossos chatos Ossos curtos Ossos irregulares

  18. CLASSIFICAÇÃO DOS OSSOS:longos • comprimento maior do que as demais dimensões, por exemplos: fêmur, úmero, tíbia

  19. CLASSIFICAÇÃO DOS OSSOS:Chatos • uma das dimensões (espessura) é muito menor que as demais, por exemplos: escápula, ossos do crânio.

  20. CLASSIFICAÇÃO DOS OSSOS:Curtos • equivalência das dimensões, por exemplos: ossos do carpo.

  21. CLASSIFICAÇÃO DOS OSSOS:Irregulares • são ossos que não possuem uma forma definida, por exemplo: vértebras, sesamóides.

  22. CLASSIFICAÇÃO FUNCIONAL:Ossospneumáticos • As lâminas de tecido compacto formam espaços, seios, que contém ar. No crânio. Aves

  23. Número de ossos • Varia com: • 1 Faixa etária • 2 Interespécies • 3 Intraespécie.

  24. Número de ossos • Vária faixa etária • Ex. Ossos do coxal: ileo, isquio, pubis. • Sinostose.

  25. Número de ossos • Variação interespécie • Homem: 206 • Suíno: 276

  26. Cavalo Boi Cabra Carneiro Porco Cão coelho homem Coluna vertebral 53-56 49-51 41-48 35-55 51-58 50-53 46 27 Costela 36 26 26 26 28 26 24 24 Esterno 1 1 1 1 1 1 1 1 Cabeça 31 31 31 31 31 31 31 28 M. torácico 40-42 48 48 48 82 80 90 64 M. pélvico 40-42 46 46 46 82 76-81 78 62 Total 201 a 208 201 a 203 193 a 200 187 a 207 276 264 a 275 270 206 Número de ossos nas espécies de animais domésticos e homem VARIACAO INTRAESPECIE

  27. Composição química dos ossos Ossos são compostos por células e a matriz óssea Osso vivo – 20% água Osso seco – 30-40% matriz orgânica - 60-70% sais minerais.

  28. Composição química dos ossos - colágeno ----------------------------33.30% - fosfato de cálcio -------------------57,35% - carbonato de cálcio----------------- 3,85% - cloreto e carbonato de sódio-------3,45%. • fosfato de magnésio--------------- -2,05%

  29. PROPRIEDADES GERAIS DO OSSO (FÍSICAS) Cor “in vivo” érósea devido à irrigação sanguínea e periósteo muito vascularizado. Além da cor, o osso tem aparência diferente também pela presença de cartilagem hialina que reveste as porções não cobertas pelo periósteo.

  30. PROPRIEDADES GERAIS DO OSSO (FÍSICAS) Cor O osso macerado é amarelado ou esbranquiçado

  31. PROPRIEDADES GERAIS DO OSSO (FÍSICAS) Resistência Maior quando a força é estaticamente aplicada, do que se ela for subitamente ou dinamicamente empregada

  32. PROPRIEDADES GERAIS DO OSSO (FÍSICAS) Flexibilidade A flexibilidade de um osso resulta da interação da matriz orgânica com a matriz inorgânica. A matriz orgânica da flexibilidade e elasticidade, enquanto a matéria mineral endurece o tecido ósseo

  33. PROPRIEDADES GERAIS DO OSSO (FÍSICAS) Flexibilidade A matriz orgânica da flexibilidade e elasticidade, enquanto a matéria mineral endurece o tecido ósseo

  34. Estrutura macroscópica dos ossos O osso longo pode ser dividido em três regiões distintas: 1. Epífises: são os dois extremos dos ossos, o proximal e o distal e possuem a forma de um bulbo. 2. Diáfise: parte longa e cilíndrica entre as epífises. 3. Metáfise: linha entre a diáfise e as epífises e é o local do disco epifisário durante o crescimento ósseo

  35. Estrutura macroscópica dos ossos 1. Osso compacto Consiste de camadas superficiais, sem cavidades visíveis, com aparência de marfim e localizadas na superfície dos ossos.

  36. Estrutura macroscópica dos ossos 2. Osso esponjoso Consiste de laminas ósseas que se entrecruzam formandos cavidades intercomunicantes e encontram-se na epífise dos ossos longos e no interior dos demais ossos, sendo envolto pelo tecido ósseo compacto.

  37. Estrutura macroscópica dos ossos 3.Cavidade medular É a cavidade na diáfise, envolta pelo tecido ósseo compacto e preenchida pela medula óssea

  38. Estrutura macroscópica dos ossos 4.Medula óssea Substãncia reticular mole composta de fibras conjuntivas, localizadas na cavidade medulares e também nas cavidades do tecido ósseo esponjoso

  39. Estrutura macroscópica dos ossos 4.Medula óssea De acordo como a idade do individuo existem dois tipos de medula óssea: a vermelha ou hematógena e a amarela.

  40. Estrutura macroscópica dos ossos 4.Medula óssea A medula óssea vermelha permanece atuante no animal velho nos corpos vertebrais, esterno, costelas e epífises de ossos longos. As principais funções da medula óssea são: Osteogênica (formação do osso) e hematopoiética (formação de hemáceas).

  41. Estrutura macroscópica dos ossos 5.Periósteo Membrana fibrovascular esbranquiçada que reveste ossos, exceto nas epífises ocupadas pela cartilagem articular. Possui duas camadas: a fibrosa que é externa e recebe inserções de fibras musculares e a celular que é interna e profunda, em contacto com a superfície óssea e tem função osteogênica. Vida do osso. Morte sem ele.

  42. Estrutura macroscópica dos ossos 6.Endósteo Membrana que reveste a cavidade medular internamente possui estrutura semelhante ao periósteo, porém com uma única camada mais delgada. Tem a funções de nutrição do tecido ósseo e crescimento e reparação do tecido ósseo (fonte de osteoblastos). Como o periósteo, o endósteo atua na reparação de fraturas e pode ter função hematopoiética

  43. Estrutura macroscópica dos ossos 7.Cartilagem articular Cartilagem hialina que reveste as superfícies articulares de ossos longos nas junturas e tem a função de reduzir a fricção durante movimentos. Cartilagem de conjugação: Permite o crescimento em comprimento.

  44. Estrutura macroscópica dos ossos • 8.vasos sanguíneos: • Uma ou mais artérias nutrícia adentra o corpo do osso e se divide no seu interior em ramos longitudinais que nutrem a medula óssea e o osso compacto até a metáfise . • Muitos vasos do periósteo também vascularizam o osso compacto, • Vasos da metáfise e da epífise, oriundo de artérias que nutrem a articulação, perfuram as lamelas compactas e suprem o osso esponjoso e medula óssea nas epífises.

  45. Estrutura macroscópica dos ossos 9. Nervos. Os ossos são relativamente ricos em nervos, procedentes da medula nervosa e do sistema ganglionar. Eles acompanham os vasos sanguíneos e são mais numerosos nas extremidades articulares dos ossos longos, nas vértebras e em ossos chatos maiores.

  46. Estrutura macroscópica dos ossos 10. Linfáticos Os linfáticos só atingem a camada superficial do periósteo, sua presença dentro da camada compacta nunca foi demonstrada

  47. Estrutura microscópica dos ossos • Tecido ósseo compacto ou lamelar • Tecido ósseo esponjoso ou trabecular.

  48. Estrutura microscópica dos ossos • Tecido ósseo compacto • Osteonas. • Canal central • Lamelas • Lacunas • Canaliculos • Osteócitos • Osteoblastos • Osteoclastos

  49. Estrutura microscópica dos ossos

  50. Estrutura microscópica dos ossos