Download
slide1 n.
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
RESUMÃO PowerPoint Presentation

RESUMÃO

205 Views Download Presentation
Download Presentation

RESUMÃO

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. RESUMÃO Metodologia do Trabalho Acadêmico Unidade 3

  2. Educação a Distância – EaD Metodologia do Trabalho Acadêmico Professor: Flávio Brustoloni

  3. Compreender a função que as citações desempenham nos trabalhos acadêmicos; • Identificar os tipos de citações: diretas (curtas e longas) e indiretas; Objetivos da Unidade: • Apresentar as citações no trabalho conforme as normas da ABNT; • Identificar os elementos constituintes das fontes consultadas (livros, artigos de revistas, jornal, etc) para elaborar as referências; • Apresentar as referências no trabalho conforme as normas da ABNT;

  4. Unidade 3CITAÇÕES E REFERÊNCIAS

  5. TÓPICO 1Citações

  6. Tópico da apostila Tópico 1 Unidade da apostila Unid. 1 TUTORIAL Quantidade de slides Página da apostila 03 4/62

  7. Tópico 1 Unid. 3 As citações são elementos retirados de fontes bibliográficas, eletrônicas e documentais, que ajudam o autor no raciocínio e confirmação de suas idéias. 2. Função das citações 181 1/120

  8. Tópico 1 Unid. 3 Objetivos das citações:- sustentar idéias do autor do texto;- desenvolvimento do raciocínio;- confirmação das idéias ou da tese;- identificar os autores das idéias;- acesso ao texto original. 2. Função das citações 181 2/120

  9. Tópico 1 Unid. 3 Quando fizer pesquisa, anote:- nome(s) do(s) autor(es);- página do artigo;- ano da obra. 2. Função das citações 182 3/120

  10. Tópico 1 Unid. 3 Consiste na transcrição literal (ipsis litteris) do texto original da obra que você está consultando. Dividem-se em curtas e longas. 3. Tipos de Citações3.1 Diretas 183 4/120

  11. Tópico 1 Unid. 3 3.1 Diretas3.1.1 Curtas Se não exceder três linhas, é uma citação curta. Inserir aspas no início e término da citação. 183 5/120

  12. Tópico 1 Unid. 3 Se exceder três linhas, é uma citação longa. São apresentadas em parágrafo próprio, espaçamento simples, com recuo de 4cm da margem esquerda. Fonte tamanho 10 e sem aspas. 3.1 Diretas3.1.2 Longas 184 6/120

  13. Tópico 1 Unid. 3 3.1 Diretas3.1.3 Outras orientações para as citações diretas • Apóstrofos (‘’) – são as “aspas simples”, e são utilizadas quando existem aspas dentro de um trecho com aspas.Exemplo: “O erro ‘linguístico’, do ponto de vista sociológico [...]” 185 7/120

  14. Tópico 1 Unid. 3 3.1 Diretas3.1.3 Outras orientações para as citações diretas • Omissão ([...]) – omissão de um trecho da frase que não interessa ao desenvolvimento do trabalho.Pode aparecer no início, meio ou fim das citações.Exemplo: “O erro ‘linguístico’, do ponto de vista sociológico [...]” 186 8/120

  15. Tópico 1 Unid. 3 3.1 Diretas3.1.3 Outras orientações para as citações diretas c) Interpolações ([ ]) – inserções de comentários ou acréscimos na citação. Exemplo: “O erro ‘linguístico’, do ponto de vista sociológico [apesar de sociológico, nada tem a ver com a maioria da população dos dias de hoje] [...]” 186 9/120

  16. Tópico 1 Unid. 3 3.1 Diretas3.1.3 Outras orientações para as citações diretas • Ênfase, dúvida e destaque- Para indicar que houve espanto, perplexidade ou admiração, usamos [!] após a palavra. Exemplo: “[...] uma avaliação negativa que nada tem a ver com a maioria da população dos dias de hoje [!] atribuída pelos estudiosos [...]” 187 10/120

  17. Tópico 1 Unid. 3 3.1 Diretas3.1.3 Outras orientações para as citações diretas • Ênfase, dúvida e destaque- Para indicar que houve dúvida na citação, usamos [?] após a palavra. Exemplo: “[...] uma avaliação negativa [?] que nada tem a ver com a maioria da população dos dias de hoje atribuída pelos estudiosos [...]” 187 11/120

  18. Tópico 1 Unid. 3 3.1 Diretas3.1.3 Outras orientações para as citações diretas • Ênfase, dúvida e destaque- Para dar ênfase a alguma passagem da citação, podemos grifar e assinalar com a expressão (grifo nosso) após o texto entre parênteses. Exemplo: “[...] interlocutores que ocupam posições mais elevadas na escala social.” (VOTRE, 1994, p.75, grifo nosso). 187 12/120

  19. Tópico 1 Unid. 3 • Ênfase, dúvida e destaque- Se já houver grifo no original da citação, basta utilizar a expressão (grifo do autor) após o texto entre parênteses. Exemplo: “[...] uma boa pesquisa precisa ter uma sólida teoria de apoio [...]” (GARCIA; ALVES, 2006, p.265, grifo do autor). 3.1 Diretas3.1.3 Outras orientações para as citações diretas 187 13/120

  20. Tópico 1 Unid. 3 e) Incorreções ou incoerências- Se houver erros gráficos ou lógicos use a expressão latina [sic].Exemplo: “[...] registrada nos anais da Casa ou ainda está sendo acompanhada via radio [sic] e TV. (TAFNER, 2007, P.56). 3.1 Diretas3.1.3 Outras orientações para as citações diretas 188 14/120

  21. Tópico 1 Unid. 3 Produção de um texto com as suas palavras, mas com o mesmo sentido do autor. Divide-se em Paráfrases (síntese de um trecho curto) e Condensação (síntese de um livro completo ou capítulo). Não esqueça: é obrigatória a indicação do autor e do ano da obra!Exemplo: Tafner (2004) trata do estudo de sete formas verbais alternantes [...]. 3. Tipos de Citações3.2 Citação Indireta 188 15/120

  22. Tópico 1 Unid. 3 3.3 Outros Casos de Citação3.3.1 Citação da citação Quando um autor cita outro autor dentro da frase, utilizamos a palavra apud (citado por). Exemplos a seguir: 189 16/120

  23. Tópico 1 Unid. 3 a) Exemplo: Podemos entender variável como “qualquer quantidade ou característica que pode assumir diferentes valores numéricos” (YOUNG, 1960, p.311). 3.3 Outros Casos de Citação 190 17/120

  24. Tópico 1 Unid. 3 b) Exemplo: Podemos entender variável como “qualquer quantidade ou característica que pode assumir diferentes valores numéricos” (YOUNG, 1960, p.311 apud FACHIN, 2003, p.73). 3.3 Outros Casos de Citação 190 18/120

  25. Tópico 1 Unid. 3 c) Exemplo: Podemos entender variável como “qualquer quantidade ou característica que pode assumir diferentes valores numéricos” (YOUNG, 1960, p.311 citado por FACHIN, 2003, p.73). 3.3 Outros Casos de Citação 190 19/120

  26. Tópico 1 Unid. 3 3.3 Outros Casos de Citação3.3.2 Citação de informação extraída da internet A diferença desta citação é na referência bibliográfica, aonde será incluído o link do texto e a data de acesso. Exemplo:KANITZ, Stephen. O petróleo náo será mais nosso. Veja, São Paulo, n.36, 10 set. 2008. Disponível em: http://planetasustentavel.abril.uol.com.br/noticia/desenvolvimento/conteudo_301186.shtml. Acesso em: 10 out. 2008. 190 20/120

  27. Tópico 1 Unid. 3 3.3 Outros Casos de Citação3.3.3 Citação da Bíblia Indicamos a fonte pelo título do livro da bíblia, número do capítulo e versículo.Exemplo: “Bem-aventurado o homem que acha a sabedoria, e o homem que adquire conhecimento; porque melhor é a sua mercadoria do que a mercadoria de prata, e sua renda do que o ouro mais fino.” (BÍBLIA, A.T Provérbios, 3:13-14). 192 21/120

  28. Tópico 1 Unid. 3 4. Indicação da Fonte das Citações4.1 Sistema Autor-Data É chamado quando as citações aparecem no texto. Nos papers e artigos este sistema é o mais adequado. 193 22/120

  29. Tópico 1 Unid. 3 4.1 Sistema Autor-Data4.1.1 Regras de Elaboração • Quando você não cita o nome do autor no corpo do trabalho: coloca-se a fonte no final. Exemplo: “[...] mais precisamente, um meio de funcionamento.” (MEY, 2001, p. 241). 194 23/120

  30. Tópico 1 Unid. 3 4.1 Sistema Autor-Data4.1.1 Regras de Elaboração b) Quando o nome do autor faz parte do corpo do trabalho: coloca-se, entre parênteses, apenas o ano da publicação e a página. Exemplo: Conforme Mey (2001, p.241),”[...] é uma função da sociedade, ou mais precisamente, um meio de funcionamento.” 194 24/120

  31. Tópico 1 Unid. 3 • Obra de um autor:Exemplo: Conforme Mey (2001, p.241),”[...] é uma função da sociedade, ou mais precisamente, um meio de funcionamento.” 4.1 Sistema Autor-Data4.1.1 Regras de Elaboração 194 25/120

  32. Tópico 1 Unid. 3 Obra de dois autores:Exemplo 1: Lakatos e Markoni (2001, p.68),”[...] o resumo é a apresentação concisa e frequentemente seletiva do texto [...].” 4.1 Sistema Autor-Data4.1.1 Regras de Elaboração 195 26/120

  33. Tópico 1 Unid. 3 Obra de dois autores:Exemplo 2: “[...] o resumo é a apresentação concisa e frequentemente seletiva do texto [...].” (LAKATOS; MARCONI, 2001, p.68). 4.1 Sistema Autor-Data4.1.1 Regras de Elaboração 195 27/120

  34. Tópico 1 Unid. 3 Obra de três autores:Exemplo 1: Para Bagno, Gagne e Stubbs (2002, p.73), “O ‘erro’ linguístico [...], se baseia, portanto, numa avaliação negativa que nada tem de linguística [...]”. 4.1 Sistema Autor-Data4.1.1 Regras de Elaboração 195 28/120

  35. Tópico 1 Unid. 3 Obra de três autores:Exemplo 2: “O ‘erro’ linguístico [...], se baseia, portanto, numa avaliação negativa que nada tem de linguística [...]” (BAGNO; GAGNE; STUBS, 2002, p. 73). 4.1 Sistema Autor-Data4.1.1 Regras de Elaboração 195 29/120

  36. Tópico 1 Unid. 3 Obra de mais de três autores: cita-se o primeiro autor acompanhado de et al.Exemplo 1: Segundo Valle et al. (2002, p.160): “[...] buscaram-na como única alternativa ao desemprego.” 4.1 Sistema Autor-Data4.1.1 Regras de Elaboração 196 30/120

  37. Tópico 1 Unid. 3 Obra de mais de três autores: cita-se o primeiro autor acompanhado de et al.Exemplo 2: “[...] buscaram-na como única alternativa ao desemprego.” (VALLE et al., 2002, p. 160). 4.1 Sistema Autor-Data4.1.1 Regras de Elaboração 196 31/120

  38. Tópico 1 Unid. 3 4.1 Sistema Autor-Data4.1.1 Regras de Elaboração d) Vários documentos do mesmo autor: inserir entre parênteses os anos de publicação dos textos.Exemplo: Tafner (2004, 2007) sugere que a variação entre formas [...]. 196 32/120

  39. Tópico 1 Unid. 3 4.1 Sistema Autor-Data4.1.1 Regras de Elaboração e) Vários documentos de diferentes autores: apresentá-los seguindo a ordem do mais antigo para o mais recente.Exemplo: O interesse pelo tempo futuro do presente já motivou outras dissertações de mestrado: Baleeiro (1988), Santos (1997), Gibbon (2000), Santos (2000)... 196 33/120

  40. Tópico 1 Unid. 3 f) Autores com mesmo sobrenome e data: acrescente as iniciais de seus prenomes na autoria.Exemplo: (BARBOSA, C., 1996)(BARBOSA, O., 1996) 4.1 Sistema Autor-Data4.1.1 Regras de Elaboração 197 34/120

  41. Tópico 1 Unid. 3 g) Diversos documentos de um mesmo autor, publicados no mesmo ano: acrescente letras minúsculas, após a data.Exemplo: (SILVA, 2005a, p. 32)(SILVA, 2005b, p. 32) 4.1 Sistema Autor-Data4.1.1 Regras de Elaboração 197 35/120

  42. Tópico 1 Unid. 3 4.2 Sistema Numéricoa) Regras de Aplicação Cada nota de rodapé deve corresponder exatamente à citação que originou a referência. Sempre deve haver uniformidade entre local, numeração e a forma das notas de rodapé. 200 36/120

  43. Tópico 1 Unid. 3 Texto: O meio social necessita da “formulação de políticas educacionais condizentes com a realidade existente e da implementação de programas de letramento.” (1) 4.2 Sistema Numéricob) Regras de Elaboração – Exemplo 1 Na nota de rodapé:1 PELANDRÉ, Nilcea Lemos. Ensinar e aprender com Paulo Freire: 40 horas 40 anos depois. São Paulo: Cortez, 2002. p. 132. 201 37/120

  44. Tópico 1 Unid. 3 Texto: “[...] outros critérios e preconceitos estritamente socioeconômicos e culturais.2 4.2 Sistema Numéricob) Regras de Elaboração – Exemplo 2 Na nota de rodapé:2 BAGNO, M.; GAGNE, G.; STUBBS, M. Língua materna: letramento, variação e ensino. São Paulo: Parábola, 2002. p. 73. 201 38/120

  45. Tópico 1 Unid. 3 Texto: Conforme Soares3, a “escrita traz consequências sociais, culturais, políticas, econômicas, cognitivas [...]”. 4.2 Sistema Numéricob) Regras de Elaboração – Exemplo 3 Na nota de rodapé:3 SOARES, Magda. Letramento: um tema em três gêneros. Belo Horizonte: Autêntica, 2001. p.18. 201 39/120

  46. Tópico 1 Unid. 3 * Ibidem ou Ibid: quando várias obras referem-se à mesma obra do mesmo autor. 4.2 Sistema Numéricoc) Palavras referenciais latinas Exemplo:1SOARES, Magda. Letramento: um tema em três gêneros. Belo Horizonte: Autêntica, 2001. p.18.2Ibid., p.128. 202 40/120

  47. Tópico 1 Unid. 3 * Idem ou Id.: mesmo autor, obras diferentes. 4.2 Sistema Numéricoc) Palavras referenciais latinas Exemplo:1GROSSI, 2004, p. 29.2Id., 2000, p. 5. 203 41/120

  48. Tópico 1 Unid. 3 * Op. cit: obra do autor citada diversas vezes. 4.2 Sistema Numéricoc) Palavras referenciais latinas Exemplo:1GROSSI, 2004, p. 29.2SILVA, 2001, p. 17.3GROSSI, op. Cit., p. 5. 203 42/120

  49. Tópico 1 Unid. 3 * Cf. (Confira, confronte): indicar outras leituras para aprofundamento do assunto. 4.2 Sistema Numéricoc) Palavras referenciais latinas Exemplo:4Cf. LONGO; CAMPOS, 2002. 203 43/120

  50. Tópico 1 Unid. 3 * Et seq. (seguinte ou que se segue): quando somente a primeira página em que aparece a citação é mencionada, mas refere-se também às demais. 4.2 Sistema Numéricoc) Palavras referenciais latinas Exemplo:4LONGO; CAMPOS, 2002, p. 464 et seq. 203 44/120