Download
slide1 n.
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Josiane Lampire PowerPoint Presentation
Download Presentation
Josiane Lampire

Josiane Lampire

210 Vues Download Presentation
Télécharger la présentation

Josiane Lampire

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. Josiane Lampire

  2. Microbiota Normal • Microrganismos que Cavidade oral Outras cavidades são encontrados freqüentemente no organismo de indivíduos Intestino saudáveis; -Capazes de driblar as defesas do hospedeiro -Competição com outras espécies Pele - Saprófitas x Patogênicos - Colonização x Infecção Mucosa genital

  3. MICROBIOTA DO CORPO HUMANO • Microbiota Transitória • Presente Temporariamente no Sítio Anatômico • Facilmente Removida pelos Procedimentos de Limpeza • Facilmente Eliminada pelos Procedimentos de Antissepsia • Microbiota Residente • Composta por Microrganismos “Saprófitas” • Composição Influenciada por Condições do Hospedeiro • Composição Típica de Cada Sítio Anatômico • Não é Removida Totalmente pelos Procedimentos de Limpeza • Não é Eliminada Totalmente pelos Procedimentos de Antissepsia

  4. Infecções Situação em que microrganismos provenientes da microbiota residente ou do ambiente, se instalam e se multiplicam em alguma parte do corpo, causando danos ao hospedeiro. Barreiras: - Pele - Saliva - Sistema imunológico - anticorpos e de células de defesa - Outros microrganismos (microbiota normal)

  5. Microrganismos competem para sobrevivência Produção e excreção de BACTÉRIAS substâncias químicas, visando BOLORES eliminação LEVEDURAS das espécies concorrentes

  6. Antimicrobiano Antimicrobiano: agente que reduz a quantidade de microrganismos presentes, de modo específico ou inespecífico

  7. Outras definições • Quimioterápico:São moléculas produzidas exclusivamente por síntese química, não ocorrendo similares na natureza. Como exemplo podemos citar as sulfonamidas (“sulfas”) e o metronidazol. • Antibiótico :São substâncias químicas, produzidas por microrganismos vivos ou através de processos semi-sintéticos, que têm a propriedade de inibir o crescimento de microrganismos patogênicos e, eventualmente, destruí-los.

  8. Microorganismo Antibióticos Bacilos Gram- positivos Bacillus subtilis Bacitracina Bacillus polymyxa Polimixina Actinomicetes Streptomyces nodosus Anfotericina B Streptomyces venezuelae Cloranfenicol Streptomyces erythraeus Eritromicina Streptomyces fradie Neomicina Streptomyces griseus Estreptomicinas Micromonospora purpurea Gentamicina

  9. Fungos Antibióticos Fungos Cephalosporium spp Cefalotina Penicillium griseofulvum Griseofulvina Penicillium notatum Penicilina

  10. Como e quando foram descobertos os antibióticos? • Século XVII uso da quinina, ementina • Fim do Século IXX Paul Ehrlich: ( arsenato) Salvarsan - tratamento da sífilis • 1928 Alexander Fleming

  11. Como e quando foram descobertos os antibióticos? • 1929 isolamento do fungo: Penicilium notatum - secreção de substância com propriedades antibacterianas e não tóxica. PENICILINA

  12. Não inventei a penicilina", disse Alexander Fleming sobre o medicamento que lhe rendeu o Prêmio Nobel e revolucionou a medicina. "A natureza é que a fez. Eu só a descobri por acaso"

  13. Como e quando foram descobertos os antibióticos? • 1934 Domagk: descoberta das sulfas • 1941 Uso clínico da Penicilina - segunda guerra mundial + +

  14. Como e quando foram descobertos os antibióticos? • Década de 40 Florey e Heatley: isolamento e produção em massa da penicilina . • Estimulo para a pesquisa de outros antibióticos e modificações químicas na molécula principal

  15. Um antibiótico ideal • Capacidade de destruição das células infectivas por: Inibição da Morte celular reprodução imediata MICROBICIDA MICROBIOSTÁTICO

  16. Um antibiótico ideal • Ser ativo contra microrganismos invasores mas inativo contra células do hospedeiro Toxicidade seletiva

  17. Toxicidade seletiva SULFAS: PABA Precursor Bactérias - Sulfonilamida sintetizam seu próprio ácido Ácido fólico diidropteróico Células do organismo - Síntese de captam ácido nucleosídeos Ácidofólico e alguns fólico pré- aminoácidos formado Trimetoprim

  18. Síntese do DNA

  19. Toxicidade seletiva Penicilinas Antifúngicos - Fungos = Células eucarióticas - Alta toxicidade - Membrana plasmática = Ergosterol

  20. Um antibiótico ideal • Ser eficiente em baixas concentrações • Apresentar bom poder residual • Ser disponível em baixos custos • Seja específico para um microrganismo em particular sem provocar a destruição de comensais avirulentos (microbiota normal)

  21. Classificação dos antimicrobianos • Quanto à natureza: - Naturais - Semi-sintéticos - Sintéticos • Quanto à estrutura química: - Derivados de aminoácidos - Derivados de carboidratos - Derivados de acetato e propionato

  22. Classificação dos antibióticos • Quanto ao espectro de ação: -Amplo espectro: cloranfenicol, tetraciclinas, canamicina, gentamicina, macrolídeos e ampicilina -Atividade contra GP: penicilinas, cefalosporinas, eritromicina, bacitracina, lincomicina e vancomicina

  23. Atividade contra GN: colistina e polimixina • Atividade contra micobactérias: rifampicina, ciclosserina e a estreptomicina • Atividade antifúngica: griseofulvina, imidazólicos (miconazol, clotrimazol, cetoconazol...), poliênicos (anfotericina B e nistatina)

  24. Mecanismos de ação • Inibidores da Síntese da PC • Antimetabólicos • Destruição da função de membrana citoplasmática • Inibidores da síntese de ácidos nucléicos • Inibidores da síntese de proteínas

  25. Parede Celular • Diferentes drogas atuam em diferentes etapas da síntese da parede celular bacteriana. • Morte por lise bacteriana definitiva • as bactérias devem estar em crescimento • deve haver diferença osmótica entre o citoplasma bacteriano e o meio externo.

  26. Síntese da Parede Celular: Meio extracelular NAG: N-acetil-glicosamina NAM: Ác. N-acetil-murâmico UDP: Uridina difosfato

  27. Síntese da Parede Celular: Meio extracelular Ligações cruzadas

  28. Inibição da síntese de proteínas • Dois mecanismos: - Inibição da tradução da informação genética - produção de proteínas defeituosas

  29. Inibição da síntese de proteínas • Tetraciclina: - Impede a ligação do tRNA à subunidade 30S do ribossomo • Efetiva contra bastonetes e cocos GP, bastonetes e cocos GN, anaeróbios, actinomicetos, clamídias, riquétsias • Lincosamina (clindamicina): - Impede a ligação do tRNA a subunidade 50S do ribossomo - Efetiva contra bactérias GP (anaeróbias e facultativas) e contra anaeróbios GN

  30. Inibição da síntese de proteínas • Aminoglicosídeo (Gentamicina) - Ligam-se a subunidade 30S do ribossomo bacteriano bloqueando a iniciação da síntese proteica ou, em doses menores, formação de proteínas defeituosas • Cloranfenicol, - Ligam-se à subunidade 50S do ribossomo bacteriano inibindo o alongamento da cadeia peptídica. - Efetivos contra cocos e bastonetes GP e GN, anaeróbios, clamídias, micoplasmas, riquétsias

  31. Inibição da síntese de proteínas • Macrolídeo - Impede a ligação do tRNA a subunidade 50S do ribossomo • Eritromicina: age sobre Gram positivos • Claritromicina, Azitromicina, Roxitromicina: Gram negativos

  32. Inibição da síntese de proteínas Ligação 50S: Macrolídeos Clindamicina e Cloranfenicol Aminoglicosídeos Bloqueio da iniciação Ligação 30S:Tetraciclinas Proteínas defeituosas

  33. Inibidores da síntese de DNA • Nitrofuranos e Metronidazol quebra da hélice do DNA com efeito bactericida • Ácido nalidíxico, Novobiocina, Ciprofloxacina e outras quinolonas interferem na replicação pela inibição da ação da DNA-girase

  34. Outros mecanismos de ação • Inibidores da síntese de RNA: - Rifampicina ligam-se a RNA polimerase e bloqueia a transcrição • Inibidores da função da membrana: • - Polienos (Anfotericina B e Nistatina) • ligam-se a esteróis da membrana de células eucarióticas ocasionando lise celular - efetivos contra fungos.

  35. Questões 1) Defina o que é antibiótico. 2) Em que consiste a microbiota normal e qual o seu papel em relação ao surgimento de infecções? • Diferencie colonização de infecção. • Cite as características de um antibiótico ideal. Dê exemplos de toxicidade seletiva. • Dê a classificação dos antibióticos segundo o mecanismo de ação, explicando e exemplificando cada grupo.