Download
como escrever um artigo cient fico n.
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Como escrever um artigo científico PowerPoint Presentation
Download Presentation
Como escrever um artigo científico

Como escrever um artigo científico

329 Vues Download Presentation
Télécharger la présentation

Como escrever um artigo científico

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. Como escrever um artigo científico Prof.Luiz Henrique Picolo Furlan Curso de Medicina Universidade Positivo

  2. POR QUE ESCREVER UM ARTIGO? • Para melhorar a atenção à saúde • Para compartilhar observações importantes • Como passo em direção ao avanço científico • Produção acadêmica

  3. ARTIGO CIENTÍFICO E SUAS SINGULARIDADES • concisão; • foco restrito a um problema ou a poucos problemas interligados; • linguagem técnica, destinada a iniciados e especialistas; • adequação temática à linha da revista;

  4. ARTIGO CIENTÍFICO E SUAS SINGULARIDADES • diálogo com a literatura pertinente mais recente; • explicitação das teorias, dos conceitos e das metodologias usados; • explicitação das fontes de idéias e dados; • comunicação de resultados de pesquisas.

  5. A ESTRUTURA DO ARTIGO • Título e Resumo • Autores • Introdução • Metodologia • Resultados • Discussão • Conclusão • Referências

  6. O ESTILO: Seguir os critérios da revista que se quer publicar

  7. O ESTILO: Seguir os critérios da revista que se quer publicar

  8. O TÍTULO • Ele fornece o ítem primário a ser procurado nas listas eletrônicas • Ele determina o acesso inicial ao seu trabalho • Precisa ser informativo, conciso e atrativo; • Deve-se evitar abreviaturas

  9. O TÍTULO • O que deveria haver no título? • Tipo de estudo • Abordagem (por exemplo: in vitro, métodos de imagens) • Espécie (humanos, ratos) • Qual deveria ser o tom do título? • Ativo e declarativo • Dar a conclusão • ArqBrascardiol: 100 caracteres incluindo espaço

  10. AUTORES • Cada autor deve ter participado suficientemente no trabalho para ter responsabilidade pública na defesa do artigo. • Crédito autoral deve ser baseado somente em contribuição substancial como: • Na concepção e desenho e/ou análise e interpretação dos dados. • No esboço do artigo e/ou da revisão crítica com importante participação intelectual • Na aprovação final da versão a ser publicada • ArqBrascardiol: máximo 10 autores

  11. RESUMO ESTRUTURADO • Título: • Por que: • O que: • Como: • O que aconteceu: • Conclusão: • Curto/Informativo; Animais/humanos; Tipo de ensaio • Pano de fundo/justificativa • Questão/hipótese • Método/ plano de estudo • Resultados • Resposta à questão/hipótese

  12. RESUMO ESTRUTURADO • Deve conter informações suficientes que permitam julgar se é conveniente fazer uma leitura aprofundada do artigo; • Deve ser auto-explicativo; • Resumo mal escrito condena do artigo;

  13. INTRODUÇÃO • O que se sabe sobre o tema • O desconhecido ou controverso • No que este trabalho pode se diferenciar dos outros trabalhos publicados sobre o tema? • Pergunta a ser respondida? • OBJETIVO • ArqBrascardiol: máximo 350 palavras

  14. METODOLOGIA • Os leitores precisam saber como o estudo foi realizado • Descreva o processo de aprovação no Comitê de Ética • Descreva os métodos da análise estatística

  15. METODOLOGIA • Desenho do estudo • População de estudo (amostra) • Participantes e suas características (descrição, critérios de inclusão e exclusão) • Técnicas (métodos) de medidas • As variáveis e suas descrições • (intervenções, desfechos, aferições) • Análise dos dados • As análises mais importantes

  16. RESULTADOS • Características dos participantes (demografia: idade, sexo, co-morbidade - tabela 1) • Apresentar apenas os resultados relevantes • usar tabelas preferencialmente • somente dizer o que for chamativo • Apresente claramente as comparações estatísticas (valor de p, IC 95%)

  17. RESULTADOS • Condense os resultados para fazer com que sua conclusão seja fácil de entender • Formato: utilize tabelas/gráficos para enfatizar a mensagem a ser transmitida • evitar superposição dos dados como texto e tabela. • Resultados extras podem distrair o leitor;

  18. DISCUSSÃO • Antes de escrever: • Esteja ciente dos seus resultados • Esteja ciente da literatura • Saiba onde seus resultados se encaixam na literatura

  19. DISCUSSÃO • Os achados mais importantes (os que respondem a pergunta do trabalho); • As limitações e deficiências e como se resolveram (considere a influência do viés, dos confundidores e do acaso); • Os argumentos que sustentam os achados;

  20. DISCUSSÃO • Em que forma os achados mudaram nosso conhecimento no tema estudado (estado da arte); • A força do trabalho. Que explicações podem servir para interpretar os achados – compare os achados com a literatura; • Evite repetir os resultados ou especulação não justificada;

  21. DISCUSSÃO • Pontos fortes principais do estudo • Pontos fracos, cautelas, limitações • Implicações/Direções futuras/A quem isso importa

  22. CONCLUSÕES • Resposta à questão/hipótese do artigo; • Cuidar para se ater ao que esta no trabalho desenvolvido e que você mostrou;

  23. AGRADECIMENTOS • Devem vir após o texto; • Agradecer a todas as fontes de apoio ao projeto de pesquisa, assim como contribuições individuais, p. ex. revisores externos

  24. REFERÊNCIAS • Escolha referências atuais e direcionadas • Cite referências apenas para pontos que precisam de apoio • Não cite referências de maneira exaustiva

  25. REFERÊNCIAS • Limite a utilização de revisões/capítulos de livros; • Evite auto-referências; • ArqBrascardiol: Vancouver, máximo 40 para artigos originais;

  26. PONTOS CHAVE PARA BOA REDAÇÃO • Revise, revise, revise • Simplifique, simplifique, simplifique • Encurte e focalize • Não repita, não repita

  27. PONTOS CHAVE PARA BOA REDAÇÃO • Peça para outros revisarem e comentarem • Peça a alguém um pouco distanciado do trabalho ler o artigo; • Revise novamente;

  28. enviar os artigos • Devem seguir os procedimentos recomendados pelas revistas tipicamente meticulosos; • Só se submete artigos inéditos; • Suportar eventuais pareceres duros ou muito críticos; • Persistir é preciso!!

  29. Bibliografia consultada • Prof. Dr. Marco Antonio Barbieri, Departamento de Puericultura e Pediatria - FMRP-USP; Prof. Dr. Antonio de Azevedo Barros Filho, Departamento de Pediatria - FCM-UNICAMP. COMO ESCREVER UM ARTIGO. Disponível em http://www.pgsc.ufma.br/arquivos/comoescreverartigo.pdf • ARQUIVOS BRASILEIROS DE CARDIOLOGIA. NORMAS PARA PUBLICAÇÃO. Disponível em http://publicacoes.cardiol.br/pub_abc/autor/normas.asp • Marcel Bursztyn; José Augusto Drummond; ELIMAR PINHEIRO DO NASCIMENTO. Para escrever um Artigo pUblicável. Agosto 2009.

  30. Obrigado! lhfurlan@terra.com.br