Download
slide1 n.
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Boletim Epidemiológico Dinâmico PowerPoint Presentation
Download Presentation
Boletim Epidemiológico Dinâmico

Boletim Epidemiológico Dinâmico

125 Vues Download Presentation
Télécharger la présentation

Boletim Epidemiológico Dinâmico

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. Boletim Epidemiológico Dinâmico DIVEP/SUVISA/SESAB

  2. Introdução • Quanto mais oportuna e adequada a informação, maior a precisão do processo decisão-ação e, consequentemente, maior a efetividade das ações; • Embora muitos dados sejam coletados e armazenados, esses não são transformados em informações capazes de subsidiar ações em tempo oportuno; • Fatores como crescimento da demanda por informações, insuficiência de pessoal treinado e elevada carga de atribuições dos profissionais são os principais obstáculos apontados para que não ocorra a produção, propagação e uso adequado da informação.

  3. Objetivo • Descrever a construção e o funcionamento do Boletim Epidemiológico Dinâmico que, a partir de dados atualizados e oportunos, oferece livre acesso à informações sobre a Dengue no Estado da Bahia.

  4. Conceito Boletim Epidemiológico Dinâmico (BED) Software para produção e disseminação dinâmica (automática), real-time e online de informações (textos, tabelas, gráficos e mapas) relativas à Dengue, a partir de um banco de dados que integra diversas fontes de dados

  5. Resultados • Para a criação do BED utilizou-se PHP, uma linguagem de programação de computadores interpretada, livre e muito utilizada para gerar conteúdo dinâmico na Internet; • Por ser uma linguagem server side os códigos do software são executados por um servidor instalado na SESAB e, só depois disso, as páginas são exibidas pelo navegador do usuário final.

  6. Resultados • Os indicadores são construídos a partir de grandes bases de dados, a saber: • SINAN NET; • SUREM; • DIAGDENGUE; • SISFAD; • Quadro de Acompanhamento do Supervisor; • SMART (LACEN); • Planilha Paralela de Dengue Grave; • Planilha Paralela de Notificação; • Outras.

  7. Integração de grandes BD

  8. Resultados • Os BED estadual e municipais foram publicados na Internet no dia 17/5/2010; • Em agosto de 2010 a SUVISA recomendou sua publicização com acesso livre a todos os profissionais e sociedade, através do endereço eletrônico www.saude.ba.gov.br/entomologiabahia/dengue.

  9. DISCUSSÃO • Para o desenvolvimento e instalação do BED não houve qualquer custo financeiro adicional, uma vez que utilizou-se a estrutura já existente na SESAB. • A utilização da Internet para transferir dados entre os municípios, DIRES e DIVEP, em substituição ao fax, traduziu-se em uma importante redução de gastos com telefone e tempo investido para enviar e receber informações

  10. DISCUSSÃO • A imediata publicização de informações produzidas tem contribuído para a detecção de inconsistências e falta de dados no nível estadual e, principalmente, municipal, inclusive pelos próprios digitadores, desencadeando correções oportunas de erros. • Esforços e investimentos de tempo, antes utilizados para produzir informações, têm sido aproveitados para análise dos indicadores e consequente produção de conhecimento

  11. DISCUSSÃO • O BED tem sido um efetivo instrumento de vigilância epidemiológica, subsidiando as principais ações da Resposta Coordenada da Dengue no estado da Bahia • O BED é flexível e adaptáveis a outros agravos • A possibilidade de reutilização de códigos facilita a replicação do sistema

  12. Novas ferramentas estão sendo testadas para serem incorporadas no BED...

  13. Obrigado Contatos: Tels.: 71 3116-0024/0029; 3116-0047 (FAX) gerenciadengue@gmail.com www.saude.ba.gov.br/entomologiabahia/dengue