Download
slide1 n.
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
MÉTODOS DE BLOQUEIO MAXILO-MANDIBULAR EM PACIENTES EDÊNTULOS PowerPoint Presentation
Download Presentation
MÉTODOS DE BLOQUEIO MAXILO-MANDIBULAR EM PACIENTES EDÊNTULOS

MÉTODOS DE BLOQUEIO MAXILO-MANDIBULAR EM PACIENTES EDÊNTULOS

1094 Views Download Presentation
Download Presentation

MÉTODOS DE BLOQUEIO MAXILO-MANDIBULAR EM PACIENTES EDÊNTULOS

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. MÉTODOS DE BLOQUEIO MAXILO-MANDIBULAR EM PACIENTES EDÊNTULOS Goteira de Gunning (1866) Barberet al., 1997 Osbon & Alling III, 1988

  2. MÉTODOS DE BLOQUEIO MAXILO-MANDIBULAR EM PACIENTES EDÊNTULOS Goteira de Gunning (1866) Cerclagem mandibular e suspensão esquelética Barberet al., 1997 Osbon & Alling III, 1988 Dingman & Natvig, 1964

  3. TRATAMENTO CIRÚRGICO Fixação não rígida Fixação funcionalmente estável Fixação rígida Miloro, 2008

  4. TRATAMENTO CIRÚRGICO Fixação Interna Não-rígida (Semi-rígida) “Qualquer forma de fixação óssea que não seja forte o bastante para prevenir movimentação dos fragmentos ao longo da fratura na utilização ativa da estrutura esqueletal” Barberet al., 1997 Dingman & Natvig, 1964 HÁ FORMAÇÃO DE CALO ÓSSEO

  5. TRATAMENTO CIRÚRGICO Fixação Interna Rígida “Qualquer forma de fixação aplicada diretamente aos ossos que seja resistente o bastante para prevenir movimentação dos fragmentos ao longo da fratura na utilização ativa da estrutura esqueletal” UNIÃO ÓSSEA PRIMÁRIA Miloro, 2008

  6. TRATAMENTO CIRÚRGICO Fixação Interna Rígida Princípios Gerais para Fixação na Maxila e Mandíbula • BMM • Abordagem Cirúrgica • Abertura do BMM • Dieta Leve durante o processo de ossificação (6 semanas) CONTENÇÃO – REDUÇÃO - FIXAÇÃO Baker, Dalrymple & Bets, 1997

  7. TRATAMENTO CIRÚRGICO Fixação Interna Rígida Miloro, 2008

  8. TRATAMENTO CIRÚRGICO Fixação Interna Rígida Dispositivo que divide as cargas com o osso em cada lado da fratura LOAD-SHARING (carga compartilhada) Placas e parafusos Sistema 1.5, 2.0. Dispositivo resistente e rígido o suficiente para suportar toda a carga aplicada durante as atividades funcionais. LOAD-BEARING (carga suportada) Placas e parafusos Sistema 2.3; 2.4 ou 2.7. Miloro, 2008

  9. TRATAMENTO CIRÚRGICO Fixação Interna Rígida LOAD-SHARING (carga compartilhada) Placas de Compressão Miloro, 2008

  10. TRATAMENTO CIRÚRGICO Fixação Interna Rígida LOAD-SHARING (carga compartilhada) Parafuso Compressivo (“Lag-screw”) Miloro, 2008

  11. TRATAMENTO CIRÚRGICO Fixação Interna Rígida LOAD-BEARING (carga suportada) Miloro, 2008

  12. TRATAMENTO CIRÚRGICO Fixação Interna Rígida LOAD-BEARING (carga suportada)

  13. TRATAMENTO CIRÚRGICO Fixação Interna Rígida LOAD-BEARING (carga suportada) Travamento Placa-Parafuso (“Lock”) Miloro, 2008

  14. TRATAMENTO CIRÚRGICO Fixação Funcionalmente estável “Qualquer forma de fixação não –rígida que são fortes o bastante para permitir o uso ativo do esqueleto durante a fase curativa, mas não o suficiente para prevenir movimentação interfragmentária” CICATRIZAÇÃO SECUNDÁRIA Miloro, 2008

  15. Forças Mastigatórias Miloro, 2008

  16. TRATAMENTO CIRÚRGICO Placas Absorvíveis SR-PLA (Self-reinforcingPolylacticAcid) SR-PGA (Self-reinforcedPolyglycolicAcid) Composição: Desvantagem: Material relativamente fraco Preço Absorção: Hidrólise (Ciclo do Ácido Cítrico) Baker, Dalrymple & Bets, 1997

  17. TRATAMENTO CIRÚRGICO Fixação interna rígida Caso Clínico - 1

  18. TRATAMENTO CIRÚRGICO Fixação interna rígida

  19. TRATAMENTO CIRÚRGICO Fixação interna rígida

  20. TRATAMENTO CIRÚRGICO Fixação interna rígida

  21. TRATAMENTO CIRÚRGICO Fixação Funcionalmente estável TÉCNICA DE CHAMPY Caso Clínico - 3

  22. TRATAMENTO CIRÚRGICO Fixação Funcionalmente estável

  23. TRATAMENTO CIRÚRGICO Fixação Funcionalmente estável

  24. TRATAMENTO CIRÚRGICO Fixação Funcionalmente estável

  25. TRATAMENTO CIRÚRGICO Fixação Funcionalmente estável

  26. TRATAMENTO CIRÚRGICO Fixação Funcionalmente estável

  27. Obrigada!!! carol_danieletto@hotmail.com