Download
slide1 n.
Skip this Video
Loading SlideShow in 5 Seconds..
Kelen Soares Trentin Vicente Fiorini Stefani Naira Maria Balzaretti Altair Soria Pereira PowerPoint Presentation
Download Presentation
Kelen Soares Trentin Vicente Fiorini Stefani Naira Maria Balzaretti Altair Soria Pereira

Kelen Soares Trentin Vicente Fiorini Stefani Naira Maria Balzaretti Altair Soria Pereira

173 Vues Download Presentation
Télécharger la présentation

Kelen Soares Trentin Vicente Fiorini Stefani Naira Maria Balzaretti Altair Soria Pereira

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - E N D - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Presentation Transcript

  1. PRODUÇÃO DE COMPACTOS DE DIAMANTE POLICRISTALINO UTILIZANDO MATERIAIS CARBONÁCEOS COMO AGENTES DE SINTERIZAÇÃO Kelen Soares Trentin Vicente Fiorini Stefani Naira Maria Balzaretti Altair Soria Pereira 10 de agosto de 2007

  2. Diamante • Jóias - altíssimo índice de refração (n=2,54); • Ferramentas • Material mais duro existente; • Excelente condutividade térmica; • Baixo coeficiente de expansão térmica; • Baixíssimo coeficiente de atrito; • 100 Ton/ano de diamantes sintéticos;

  3. Ferramentas de Diamante Monocristalinas - bisturis (aplicações que não exijam impacto), nano usinagem. Policristalinas - Ferramentas de corte e desgaste.

  4. Policristais de Diamante

  5. Propriedades PCD

  6. Objetivos Estudos de rotas alternativas de sinterização de diamante para a produção de PCDs

  7. Barreira de Potencial 3,545 eV/átomo Diamante Grafite 0,03 eV/átomo Diagrama de Equilíbrio do Carbono

  8. Altas Pressões

  9. Materiais Processados e Condições de Processamento Diamante GE de 150mm a 180mm Sacarose + Diamante

  10. Sacarose + Diamante • Ball Milling Zircônia

  11. MEV

  12. S30D70_25 S30D70_V S30D70 S30D70_1000 S30D70_1500

  13. Sacarose + Diamante Raman

  14. Sacarose + Diamante 25°C

  15. Sacarose + Diamante 1000°C

  16. Sacarose + Diamante 1500°C

  17. Difração de raios-X

  18. Densidade

  19. Outros Candidatos a fases ligantes:Printex;Nanotubos;Fulerenos; Misturas destes materiais com uma pequena quantidade de partículas nanométricas de metal Continuidade

  20. Continuidade • Caracterização das propriedades mecânicas dos compactos: resistência ao desgaste e dureza; • Utilização de pós nanométricos de diamante; • Misturas de diferentes granulometrias.

  21. Agradecimentos • Capes • CNPq • Instituto de Física – UFRGS • LAPMA

  22. Material Carbonáceo Grafitizável e Não Grafitizável Microestrutura de materiais carbonáceos após a pirólise Não Grafitizável Grafitizável